Prefeitura Municipal de Erechim - Secretaria de Saúde recebe Certificação da Eliminação Vertical do HIV e/ou Sífilis
Conteúdo

https://pmerechim.rs.gov.br//noticia/18880/secretaria-de-sade-recebe-certificao-da-eliminao-vertical-do-hiv-eou-sfilis

16/11/2023

Secretaria de Saúde recebe Certificação da Eliminação Vertical do HIV e/ou Sífilis

A Prefeitura de Erechim, através da Secretaria de Saúde, recebeu nesta semana a Certificação da Eliminação Vertical do HIV e/ou Sífilis do Ministério da Saúde do Governo Federal. De acordo com as orientações contidas no Guia para Certificação da Eliminação Vertical do HIV e/ou Sífilis, a certificação tem validade de três anos. O principal objetivo do município de Erechim em participar desse processo vai ao encontro das melhorias que se buscam nos processos de trabalho.

 

A avaliação pelos técnicos do Ministério da Saúde aconteceu na sede da Secretaria de Saúde de Erechim nos dias 4 e 5 de setembro. Conforme explica a secretária de Saúde, Éclesan Palhão, a pasta por meio da Vigilância Epidemiológica e Serviço de Atendimento Especializado em DSTs/AIDS (SAE) recebeu a Comissão Nacional de Validação (CNV) do Ministério da Saúde, para avaliação da Certificação da Eliminação Vertical do HIV e/ou Sífilis.

 

Durante esses dias as profissionais do Ministério da saúde, que realizaram a visitação e avaliação, percorreram pontos específicos da Rede de Atenção à Saúde, selecionados previamente. Conheceram e acompanharam as atividades realizadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), Maternidade, Rede de apoio laboratorial, Conselho Municipal de Saúde, Vigilância Epidemiológica e SAE.

 

Essas vivências foram acompanhadas por profissionais do município, da Fundação Hospitalar Santa Terezinha (FHSTE), Conselho Municipal de Saúde, Comitê Municipal de Eliminação da Transmissão Vertical, gestão e usuários. O objetivo da visita foi conhecer os arranjos organizativos da assistência aos pacientes que convivem com vírus HIV e também as formas de diagnóstico precoce e prevenção da doença.

 

Durante essa atividade foram produzidos relatórios que revelaram a qualidade, eficiência e atenção dispensada aos pacientes, especialmente as gestantes, que foi o grande foco da avaliação. “Parabenizamos e reconhecemos o relevante engajamento e participação das equipes técnicas, dos serviços de saúde, dos profissionais da Assistência, da gestão municipal, do Conselho de Saúde, da sociedade civil e dos demais envolvidos no esforço da certificação, que contribuíram de maneira substancial para o alcance da eliminação da transmissão vertical de HIV”, disse Éclesan Palhão.

 

Segundo a secretária de Saúde, ainda existem desafios a serem superados, a exemplo do enfrentamento da sífilis gestacional e congênita. “Porém, ao se aproximar do mês de dezembro, mês alusivo ao combate do HIV, e receber o Certificado de Eliminação da Transmissão Vertical de HIV, nos estimula a seguir, melhorando as ações, para cumprir o papel fundamental da saúde pública. Por fim, se reitera nosso agradecimento, a todos os atores envolvidos na prestação da assistência à saúde da população erechinense”, finaliza a titular da pasta de Saúde.